04/02/2019 às 17:20:43
Acampamento do MST às margens do Paraopeba sente os efeitos do rompimento da barragem




As águas claras do Rio Paraopeba em São Joaquim de Bicas (MG), região metropolitana de Belo Horizonte (MG), foram tomadas pela lama e mudaram de tonalidade. O que antes era cristalino agora tem textura e coloração semelhantes a uma tinta óleo: densa, viscosa, amarronzada. O cenário desolador é agravado pelo odor dos peixes em decomposição.


Reportagem: Lú Sudré
Foto: Lú Sudré
Agência: Brasil de Fato